Com Que Mala Ir?

Com Que Mala Ir?

Foto: Jacira Omena

 

Por Jacira Omena*

 

Você pode pensar – até isso?

Você já pensou por quantos lugares a sua bolsa de viagem passa desde que sai de sua casa até o destino final e, depois através da sua viagem?

Já viu a sua mala sendo transferida de um lugar para o outro?

Você mesmo já fez essa transferência de mala de uma lugar para o outro por sua conta própria?

Perguntas, né?

Em muitas viagens que faço, e principalmente aquelas a cavalo, encontro problemas e reclamações de todos os lados devido a malas e bolsas inadequadas a situação da viagem. Pelo tamanho, peso, material e forma.

Os brasileiros e mulheres são campeões no excesso de bagagem e conhecidos pelo mundo a fora. Já vi mulheres levarem uma série de “necessaire” com maquiagem, onde nem havia espelho. E secador de cabelos, onde não havia eletricidade? Brincadeira? Não!

Mais a questão mais frequente que vejo nas viagens a cavalo é mala de material não flexível e com milhares de rodinhas. Excelentes em aeroportos, mais não administráveis quando você tem que ajustar dentro dos carros e outros veículos de transporte utilizados nas diversas situações.

Vejam em fotos algumas situações que passam as malas e alguns transporte que já presenciei:

Foto: Jacira Omena

Foto: Jacira Omena

Foto: Jacira Omena

Foto: Jacira Omena

Foto: Jacira Omena

Foto: Jacira Omena

Foto: Jacira Omena

Foto: Jacira Omena

Foto: Jacira Omena

Foto: Jacira Omena

Percebem sobre o que estou falando?

Vejam o que escrevi sobre isso no meu livro – VIAJAR A CAVALO: UM GUIA PASSO A PASSO.


BOLSA DE VIAGEM (tamanho, formato, peso) – em alguns roteiros com base centralizada ou quando se fica em vários hotéis, mas com suporte de veículos, não há muita preocupação quanto ao tipo de mala que cada um deve carregar.

Claro que há o limite de peso máximo por unidade, de 30 quilos, inclusive estipulado por companhias aéreas.

Mas, mesmo nesses casos, ocorre uma preferência quanto ao formato dessas malas.

Devido a melhor acomodação dos volumes dentro dos veículos, preferem-se as malas flexíveis em detrimento das duras.

Quando o roteiro inclui acampamento, transporte de carga e apoio com animais, ou até mesmo a possibilidade de você mesmo transportar seus próprios pertences, a coisa muda de figura.

 O primeiro fator limitante é o peso.

 Alguns o limitam em 10 kg e outros em 15 kg. E a outra variante importante é o formato.

Normalmente, os transportadores de carga têm arranjos específicos para atrelar os volumes aos animais que variam de local para local.

Foto: Jacira Omena

Foto: Jacira Omena

Utilizam-se com frequência, cordas e cobertura impermeável para oferecer certa proteção contra chuva, cursos d´água e lama.

Uma bolsa que facilite essa acomodação e já tenha algum tipo de impermeabilização é de grande valia tanto para eles quanto para a proteção de seus pertences.

A bolsa ideal está próxima de uma mochila de 70 litros, impermeável, e com capa de proteção.

Se já tem uma mochila, mas ela não veio com uma capa de proteção, é bom saber que existem no mercado capas avulsas para diferentes tamanhos e formatos delas.

Não precisa comprar outra mochila, apenas uma capa. Se não tem uma mochila tradicional, e sim uma bolsa flexível de nylon com esse tipo de volume, faça a mesma coisa, compre apenas uma capa.

Ela oferecerá proteção contra umidade e transformará sua bolsa com múltiplas aberturas em uma de um fechamento só. É mais seguro!

Ah! Se sua mala é maior que o volume sugerido (70l), não se anime a ocupá-la completamente. Lembre-se do limite de peso!


 Fonte: LIVRO – VIAJAR A CAVALO: UM GUIA PASSO A PASSO. Autora: Jacira Omena
Anterior O Sumiço da Minha Égua
Próximo Com Que Roupa Eu Vou? "Calças"

Sobre o Autor

Jacira Omena
Jacira Omena 199 posts

Viajante e Escritora - Escreveu o Livro - Viajar a Cavalo:Um Guia Passo a Passo. "Viajo pelo mundo a cavalo sempre a procura de algo novo e surpreendente, e com grande frequência sou bem-sucedida nessa busca!

*O conteúdo dessa matéria é de inteira responsabilidade do seu autor, não tendo a Viajar a Cavalo qualquer responsabilidade sobre o teor dessas informações.

Você também pode gostar de

Sela & Cia Leia e comente!

Selas – Que tipos?

Que tipos de selas encontramos por aí?
Muitas, diria eu. Quase infinito os tipos de selas que encontramos em cada localidade onde se cavalga. Influências e materiais diversos. Cada uma com sua explicação histórica e de costumes.

Textos Editoriais Leia e comente!

O Bom de Contar e Ouvir Estórias

A arte de contar história é milenar. E graças a ela temos informações que não poderiam ser transmitidas numa época que não existia papel e/ou ele era muito caro e a escrita exclusividade de alguns.
Geralmente, o dom de contá-las é natural, inato. Mas, requer prática, generosidade e disponibilidade. E antes de tudo, a pessoa que o tem deve achar que cada acontecimento é uma estória, importante para a vida, valiosa e, que portanto merece ser narrada.

Guias e tutoriais Leia e comente!

Dez Cavalos Marcantes do Cinema

Esses cavalos marcaram o imaginário dos apaixonados por cavalo e cinema.
Vejam curiosidades e fatos por trás desses atores!

Leia e comente!

Nenhum Comentário ainda

Você pode ser o primeiro a comentar esse post!