Lições de Vida – LIFE LESSONS

Lições de Vida – LIFE LESSONS

Foto: Jacira Omena

 

Por Jacira Omena*

 

 Lessons of Life from your horse

 

Passei o final de semana na fazenda do meu irmão, Daniel. Lá fica o meu cavalo, Lenço Branco. Mas eu nunca o chamei assim, apesar de achar o nome bonito. Chamo-o Panga!

De pangaré, mesmo. Alude o dia que eu o comprei. No meio de tantos para escolher, e depois de montar tantos considerados melhores, o percebi distante, a parte da relação dos que estavam sendo avaliados. Apesar da resistência do vendedor, e do alerta – VOCÊ NÃO VAI GOSTAR DESSE CAVALO – resolvi pedir para selá-lo para que eu pudesse testá-lo. Logo vi o porquê do alerta. O cavalo estava arredio, e girando no seu eixo, sem que ninguém pudesse se aproximar para montar. Duas pessoas seguravam ele, que a cada tentativa de eu por o pé no estribo, girava e girava. Depois de algumas tentativas, consegui subir e, parti numa marcha suspensa, elegante e poderosa.

 I spent the weekend at the farm of my brother, Daniel. There, it is my horse, White Scarf. But I never called him so, although I think the beautiful name. I call it Panga!
Of nag, even. Alludes the day I bought it. In the midst of so many to choose from, and then to assemble many considered better, I realized it distant and apart of the list of those being evaluated. Despite the resistance of the seller, and alert – YOU WILL NOT LIKE THIS HORSE – decided to ask for to put the saddle, so I could test it. Soon I saw why the alert. The horse was withdrawn, and rotating on its axis, without anyone approaching to mount. Two people held the horse, that every attempt to set foot in the stirrup, spun and spun. After some attempts, managed to climb on top of him and from an elegant and powerful march suspended.

 Foi aí que caí de amores pelo meu Panga.

That’s when I fell in love with my Panga. 

Não importava se ele não estava bem tratado. Não importava se ele estava arredio e que naquele momento, estava pouco afeito a minha companhia.

It did not matter if he was not treated well. Never mind that he was aloof and there, little given my company.

Foi a tal da química funcionando!

It was at such a working chemistry!

Eu o queria e precisava dele, e creio que naquele momento ele precisava de uma dona como eu. Estava disposta a lidar e aprender com  os “seus problemas”, e quem sabe, ele não resolveria os meus.

I wanted and needed him, and he needed a owner like me. She was willing to solve their problems, and, who knows if he´ll solve mine.

Comprei o meu Panga! Cuidei dele! E ele virou um príncipe! 

Bought my Panga! I took care of it. And it turned into a prince!

E de lá para cá, aprendi mais e mais a arte de paciência e persistência.

Tentei compreender as suas razões e. entendi que era um cavalo que havia sido mal tratado. Tinha medo que eu lhe fizesse mal.

Tenho desenvolvido, a cada dia, a nossa relação de confiança. E tenho conseguido. Como eu sei?

And since then, I have learned more and more the art of patience and persistence. I realize it is a horse that had been badly treated. It was afraid that I hurt him.
I have developed every day our trust. And I have achieved. How do I know?

A cada vez que eu chego na fazenda, mesmo depois de muito tempo, ao me aproximar dele, ele volta a sua cabeça na minha direção e me cheira, e só depois disso deixa que o monte.

Quando vou pegá-lo no pasto, vou caminhando com o cabresto e me aproximo lentamente dele, ele olha como se quisesse fugir, estendo a mão na sua direção, ele vem, cheira, e se aproxima para que eu coloque o cabresto, e depois disso me segue para ser arreado.

Every time I get on the farm, even after a long time, as I approached him, he turns his head toward me and smell me, and then it leaves me to saddled him.
When I catch him in the pasture, I will walk with the halter and I approach it slowly, it looks as if trying to escape, extend the arm toward you, it comes, smells, and approaches so I put the halter, and then it follows me to be saddled.

Já não roda quando coloco o pé no estribo, abre porteira e tranqueiras, maneja e aparta boiada como nenhum outro na fazenda, e fica parado solto a minha espera. Ainda se espanta com papel, água e gente. Outro dia, quase me lança fora da sela!

Continuo aprendendo e ensinando… Foi por isso que escolhi o meu Panga!

Have not run when I put my foot in the stirrup, open gate and locks, handles and separates  cattle like no other on the farm, and stand loose waiting for me. Still astounded with paper, water and people. Another day, almost throws me out of the saddle!
I´m still learning and teaching … That’s why I have chosen my Panga!

Quando isso acontece, me sinto feliz, e a minha vontade é que ele também seja feliz. Então, abro os ouvidos para escutá-lo!

When this happens, I feel happy, and my will is that he is also happy. So I open my ears to listening him!

Que lições de vida você aprende com os seus cavalos? 

What life lessons do you learn from your horses?

Resolvi buscar alguma coisa já escrita sobre isso e, encontrei esse artigo de Kathy Farrokhzad do blog Horse Listening, publicado no dia 27 de novembro de 2012.

I decided to get something already written about it and I found this article by Kathy Farrokhzad in the  blog Horse Listening, published on November 27, 2012.

5 Life Lessons From Horses

Cinco Lições de vida vindas do seu cavalo

Posted by Horse Listening

 

If we can learn anything from horses, it is that many concepts hold true as clearly in life as they do in the world of horses.

Se nós podemos aprender alguma coisa dos cavalos, é que alguns conceitos são tão verdadeiros na vida como no mundo dos cavalos.

If you listen carefully, you can find answers to your questions from every interaction with the horses.

Se você escuta cuidadosamente, você pode encontrar respostas para as suas questões a cada interação com os cavalos.

These little tidbits can help you along your path, reminding you of important insights that can serve to guide you as you live life and develop, learn and grow.

Essas pequenas pitadas podem ajudar você ao longo do caminho, lembrando-a de percepções importantes que podem servir para guiá-la como viver a vida, se desenvolver, aprender e crescer.

Here are just five:

Aqui estão apenas cinco:

Keep Finding Your “Edge” 

Mantenha-se na busca de seus limites

In riding, you are always evaluating where you are with your horse. You try to ask your horse to bend a little deeper, step a little stronger, swing a little bouncier. You work on aiding a little softer, sitting a little deeper, developing a more consistent contact. Whenever you have achieved a level of mastery in a skill, you assess where you’re at and look for the next step. Riding is an act of constant learning, improving and discovery.

Em equitação você está sempre avaliando onde você está com seu cavalo. Você tenta pedir ao seu cavalo para se dobrar um pouco mais além, pisar um pouco mais forte, balançar. Você trabalha no manuseio mais leve, sentando-se mais profundamente, desenvolvendo um contato mais consistente. Na hora que você atinge o nível de maestria em uma habilidade, você avalia onde está e olha para o passo seguinte. Equitação é um ato de constante aprendizagem, desenvolvimento e descobertas.

The concept of finding your “edge” is about knowing where you are at the moment, and pushing yourself that one bit further toward either a new level of understanding/ability, or toward an entirely new skill.

O conceito de encontrar o seu “limite” é sobre conhecer onde você está nesse momento, e pressionar a si mesmo um pouco mais além na direção de um novo nível de compreensão e habilidade, ou em direção a uma habilidade completamente nova.

Day-to-day life can be that way too.
Socrates was the first to identify the paradox of learning: The more you know, the more you realize you know nothing.

O dia-a-dia na vida pode ser assim também.

Sócrates foi o primeiro a identificar o paradoxo de aprender: Quanto mais você conhece, mais você vai perceber que você nada sabe.

There are so many levels of understanding in any one thing. Just as you can learn a riding skill deeper, stronger, looser or better, so can you develop your skills and understanding in all aspects of life. So get out there, learn, do, and keep on finding your edge! Becoming a lifelong learner is not just a nice-sounding cliché – it is a way of life!

Há muitos níveis de compreensão em uma única coisa. Assim como você pode aprender a habilidade de cavalgar mais densamente, mais forte, como o mais fraco ou o melhor, pode também desenvolver suas habilidades e entendimento em todos aspectos da vida. Então, chegue lá, aprenda, faça e mantenha-se encontrando seus limites.

Tornasse um eterno aprendiz não é apenas um bom clichê – É um modo de vida!

It’s All About Finding the Right Balance 

É tudo sobre encontrar o equilíbrio ideal

Gravity sucks the same way for everyone!

Gravidade pesa da mesma forma para todos!

Learning to find a useful, correct balance in horseback riding takes time and perseverance. However, once you have achieved even a basic level of balance, things flow more smoothly, riding becomes easier, and your horse becomes happier!

Aprender a encontrar o importante equilíbrio correto em equitação leva tempo e perseverança. Porém, uma vez que você consegue, mesmo sendo um equilíbrio básico, as coisas fluem mais levemente, e cavalgar torna-se mais fácil, e o seu cavalo torna-se mais feliz!

Similarly, when you can find balance in your life – the balance between work, play, studying, and doing something for your self, things somehow seem to go smoother, easier, and you might even find yourself becoming happier!

Similarmente, quando você pode encontrar o equilíbrio na sua vida – O equilíbrio entre trabalho, diversão, estudo e fazer alguma coisa para si mesmo, as coisas de alguma forma tornam-se mais leve, fáceis, e você pode constatar que você ficou mais feliz!

Find Your Happy Place! 

Encontre seu lugar feliz!

Help a horse find his happy place, and he will be enthusiastic, cooperative and confident in his work. He will be loose, forward-thinking and perky-eared. Find your happy place in life, and you will be the same! 

Ajude o cavalo a encontrar o seu lugar feliz, e ele ficará entusiasmado, cooperativo e confiante no seu trabalho. Ele ficará relaxado, focado e atento. Encontre seu lugar feliz na vida, e você ficará igual!

Never Get Bored 

Nunca fique entediado

From the outside, it looks like the horse and rider are going round and round and round in circles. From the inside, you are so focused on the process of developing so many things WHILE you go around those circles, that you never have a chance to get bored! The same goes for the horse – keep the training varied and comfortable, and the horse will rarely sour from the work. Anything that feels good, whether on circles or on a trail, can be enjoyable for the horse and keep him mentally coming back for more.

De fora, parece que o cavalo e o montador estão cavalgando em círculo e círculo e círculo. Do lado de dentro, você está tão concentrado no processo de desenvolvimento de tantas coisas, enquanto você está em torno desses círculos, que você não tem a chance de ficar entediado. A mesma coisa acontece com o cavalo – mantenha o treinamento variado e confortável, e o cavalo raramente enfastiará do trabalho. Qualquer coisa que sinta-se bem, independentemente de estar nos círculos ou na trilha, pode ser prazeroso para o cavalo e mantem ele com desejo de voltar.

Finding the things you love to do in life will leave you satisfied and content. Finding a sense of purpose and reaching for that ultimate goal will make a mystery out of the mundane, keeping things fresh and challenging for years to come.

Encontrar as coisas que você ama fazer na vida deixará você satisfeito e contente. Encontrar o sentido e conseguir atingir o objetivo fará sair da rotina, mantem as coisas frescas e desafiantes para os anos que vêem.

Learn to Listen 

Aprender a escutar

Anyone who has spent time with horses could agree that listening is key – no, CRITICAL – to experiencing the best our equines have to give. Regardless of whether you are riding or on the ground, there is a constant communication occurring between you and your horse. Even if you don’t know it, or can’t interpret the communication, it is happening and your horse is picking up signals from your (in)actions. As you develop your horse “speak”, you will realize how much you can read from your horse’s behaviour and subtle communications.

Qualquer um que passar um tempo com os cavalos poderá concordar que escutar é a chave – Fundamental – para experimentar o melhor que o cavalo tem a dar. Independentemente de você está montado ou no chão, existe uma constante comunicação ocorrendo entre você e o seu cavalo. Mesmo se você não saber, ou não conseguir interpretar essa comunicação, isso acontece e o seu cavalo pega os sinais das suas ações e/ou reações. A medida que você desenvolver a “lingua” do seu cavalo, você descobrirá o quanto você pode perceber do comportamento e da comunicação sublinhar do seu cavalo.

The same goes with life. If you can listen carefully enough, you can “hear” so many critical messages that are sent your way daily! More importantly, the concept of listening to our fellow humans, from a personal level to a global level, is critical to the development of humankind. Communication is key in all aspects – from making friends as children, to learning skills at school, to maintaining personal relationships, to holding jobs and securing business deals – life is communication. And the most critical step in communicating is listening.

A mesma coisa acontece com a vida. Se você puder escutar mais cuidadosamente, você poderá ouvir as tantas mensagens críticas que são enviadas para você diariamente. De uma forma mais importante, o conceito de escutar os seus colegas humanos, desde o nível pessoal ao nível global, é fundamental para o desenvolvimento da humanidade. Comunicação é a chave em todos os aspectos – de fazer amigos na infância, do aprendizado escolar, para manter seus relacionamentos pessoais, para segurar o emprego e na segurança dos negócios – a vida é comunicação. E o mais crítico degrau da comunicação é escutar.


Fonte: Horse Listening – http://www.horselistening.com

Anterior Aventura Quimérica
Próximo Peregrinação a Cavalo

Sobre o Autor

Jacira Omena
Jacira Omena 193 posts

Viajante e Escritora - Escreveu o Livro - Viajar a Cavalo:Um Guia Passo a Passo. "Viajo pelo mundo a cavalo sempre a procura de algo novo e surpreendente, e com grande frequência sou bem-sucedida nessa busca!

*O conteúdo dessa matéria é de inteira responsabilidade do seu autor, não tendo a Viajar a Cavalo qualquer responsabilidade sobre o teor dessas informações.

Você também pode gostar de

Guias e tutoriais Leia e comente!

Viajar a Cavalo na Mídia!

Recebi o email abaixo do nosso parceiro, colaborador, colunista – Carlos Solera – historiador, escritor e especialista em Tropeirismo. Através dele nos informou a presença da nossa página viajaracavalo.com.br na mídia da cidade de Curitiba.

Guias e tutoriais 1 Comentário

A Origem do Cavalo Nordestino

O Cavalo Nordestino é originado diretamente do Barbo também chamado de Bérbere ou Norte-Africano.

Guias e tutoriais 1 Comentário

Mangalarga – Mineiro ou Paulista?

Mangalarga, Mangalarga Paulista, Mangalarga Marchador, Mangalarga Mineiro – São os tantos nomes que surgiram para designar e diferenciar as duas vertentes do Cavalo Mangalarga, surgido no Sul de Minas, na região de Cruzília e Baependi.

Leia e comente!

Nenhum Comentário ainda

Você pode ser o primeiro a comentar esse post!