Santiago de Compostela – Entrevista Joselice Valiati

Eu Vou!

Sim! Fazer o Caminho a cavalo é possível e uma realidade!

Desde a sua criação, em 1122, pela Igreja Católica, O Caminho é feito a cavalo. Inclusive, é equiparado para fins de recebimento do certificado do peregrino – a Compostelana – ao feito a pé. Recebem esse certificado aqueles que fizerem pelo menos os últimos 100 quilômetros a cavalo ou a pé. Para os que fazem de bicicleta são necessários 200 quilômetros percorridos para que possam ter direito ao mesmo certificado.

Entrevista – Joselice Valiati

Joselice Valiati é uma entre outras brasileiras que farão parte dessa peregrinação a cavalo. Fará a programação de 21 dias que percorrerá 600 km do Caminho Francês.

Entrevistei-a para saber mais sobre as suas motivações e anseios em relação a essa viagem.

1 – Antes de ser convidada a participar de um grupo que irá fazer o Caminho a cavalo, você já havia pensado em fazer essa peregrinação de forma tradicional?

R. Já tinha sim. Eu e minha filha mais velha estávamos conversando para fazer o caminho a pé. Até então não sabia que tinha este caminho a cavalo.

2 – Quando você ouve falar em Santiago de Compostela, o que de imediato passa pela a sua cabeça?

R. Quando era mais jovem li o livro do Paulo Coelho que conta sobre sua peregrinação. Lembro que fiz até um mapa e anotei algumas coisas que achei interessante na época. Então de imediato passa pela minha cabeça um misto de religiosidade, autoconhecimento, aventura, desafio e determinação.

3 –  Diante do convite, você não demorou muito a responder que sim, iria. Qual foi a motivação que veio por trás de uma resposta tão definitiva e confiante? Fazer Santiago a Cavalo!

R.  É um antigo propósito que vem sendo alimentado e diante do convite vi meu sonho tornando-se realidade. Não pude resistir. A paixão pelo cavalo motiva ainda mais.

4 – Decidiu – E agora? Como tem sido desde então? Tem se preparado? Alguma ansiedade ou preocupação?

R. Cada vez que penso na viagem fico um pouco ansiosa. Sempre faço uma pequena checagem de coisas que devo levar. Comecei este mês uma atividade física para o corpo não sentir muito.  Preocupação não tenho, sei que estarei bem acompanhada, pois todas as viagens que fiz com “Viajar a Cavalo” foram muito boas. Você, Jacira, é uma ótima companhia.

5 – Busca ou espera encontrar o quê por esse caminho?

R. Quanto menos expectativas acho mais fascinante. Cada dia quero estar sempre aberta para o que está por vir. Como tudo é novidade quero aproveitar cada minuto.

6 – O que você falaria para outras pessoas sobre a decisão de fazer o caminho a cavalo?

R. De início, quando planejamos algo podemos colocar vários empecilhos, mas quando se percebe que é aquilo que se quer, é fácil eliminar cada um dos obstáculos e quando percebemos já estamos realizando nossos objetivos.

Santiago de Compostela

 

Anterior Cavalo Selvagem - Sentimentos a Cavalo
Próximo Mangalarga x Mangalarga Marchador

Sobre o Autor

Jacira Omena
Jacira Omena 199 posts

Viajante e Escritora - Escreveu o Livro - Viajar a Cavalo:Um Guia Passo a Passo. "Viajo pelo mundo a cavalo sempre a procura de algo novo e surpreendente, e com grande frequência sou bem-sucedida nessa busca!

*O conteúdo dessa matéria é de inteira responsabilidade do seu autor, não tendo a Viajar a Cavalo qualquer responsabilidade sobre o teor dessas informações.

Você também pode gostar de

Viagem a Cavalo Leia e comente!

Parque Nacional de Yellowstone – Um show de cores, beleza, e sensações

Com notável diversidade de plantas e animais, Yellowstone é sem dúvida um dos grandes santuários da vida selvagem do planeta.

Tropeiros da Fé 3 Comentários

O Caminho a Cavalo Rumo ao Santuário de N.S. Aparecida

O caminho e o destino se encontram e compartilham um sentimento de missão cumprida e alento nos corações dos que deixaram Baependi sobre a bênção de Nhá Chica para receberem a proteção de N.S. Aparecida.

Américas 1 Comentário

Uma Cavalgada na Serra Catarinense

A visão que rompe as barreiras dos cânions e vai além da planície em cima de um cavalo é indescritível. E posso dizer, depois de já ter visitado alguns dos mais bonitos cânions da região Sul do Brasil, que os Cânions das Laranjeiras é um dos mais lindos e surpreendentes.

Leia e comente!

Nenhum Comentário ainda

Você pode ser o primeiro a comentar esse post!