Viajar a Cavalo – Equador- Reserva Bomboli

Viajar a Cavalo – Equador- Reserva Bomboli

Foto: Jacira Omena

 

Por Jacira Omena*

 

Último mês de agosto estive no Equador pela segunda vez para fazer uma viagem a cavalo. 

De novo? Sim, o Equador, na minha opinião, é um dos melhores destinos para viagem a cavalo. Principalmente para aqueles que gostam de se surpreender pela natureza intocada, extensões sem limites, cenários magníficos, diversidade, tradição e cultura. 

Falarei em um outro texto sobre o roteiro completo chamado – WILD ANDES – “Andes Selvagem”, operado pela Hacienda La Alegria, de Gabriel Espinosa. 

Agora, gostaria de falar sobre a RESERVA NATURAL PRIVADA DE BOMBOLI, de Oswaldo Haros e Marianita, uma das grandes surpresas que o Equador sempre me reserva. 

Um dia antes de partir para o meu roteiro de viagem a cavalo, Gabriel Espinosa me convidou para acompanhar uma família que estava na Hacienda para fazer uma programação a cavalo, e que naquele dia iria a uma região próxima chamada Bosque Nublado. Aceitei o convite! 

Partimos cedo após ter sido apresentada ao meu cavalo Ramon! Fomos nos distanciando da sede da Hacienda e tomamos o rumo as montanhas, ao norte do vulcão Corazon. Deixamos as áreas urbanas das vilas e, à medida que nos afastávamos e ganhávamos altura, a visão do vale deixava mais clara a aptidão leiteira daquela região.

Foto: Jacira Omena

Foto: Jacira Omena

Foto: Jacira Omena

Foto: Jacira Omena

 O dia estava chuvoso, mas nada havia me preparado para a cortina de neblina e umidade que tomou o lugar assim que a chuva parou. Estava aí a origem do nome do destino – BOSQUE NUBLADO

Nessa parte da viagem já estávamos a mais de 3500 metros de altitude e começamos a entrar por trilhas estreitas de caminhos que passavam por aglomerados de casas abandonadas onde antes haviam comunidades indígenas que exploravam a terra para fins agrícolas. Devido ao uso de técnicas muito primitivas, esgotaram o solo e o abandonaram assim que a produção não justiçava mais o trabalho. 

viajaracavalobomboli5

Foto: Jacira Omena

Fotos: Jacira Omena

 No meio da névoa começou a aparecer uma vegetação quase tropical. Plantas que fazem parte do meu cotidiano no Brasil apareciam a mais de 3500 metros de altitude nos Andes equatorianos! Orquídeas, samambaias, xaxins, bromélias, etc. 

Aquela face da montanha recebia os ventos quentes e úmidos do Pacífico. 

Estava ali o Bosque Nublado! 

viajaracavalobomboli6 viajaracavalobomboli7 viajaracavalobomboli8

Fotos: Jacira Omena

Fotos: Jacira Omena

Já havia passado da hora do almoço, e encantada com aquela maravilha, não percebi a fome até que senti um cheiro de fumaça que vinha de dentro do bosque. Não era cheiro de fumaça de incêndio, e sim de lenha queimando! Não tinha ideia de onde vinha! 

De repente ouvi um latido de cachorro, e percebi no meio da névoa a presença de uma casa de teto baixo com uma chaminé por onde saia a fumaça que se misturava a neblina como se fosse igual. 

Foto: Jacira Omena

Foto: Jacira Omena

Era a casa do Oswaldo e da Marianita! E como tudo ali, era parte da natureza. 

Logo o meu olhar atento percebe que eu não estava num lugar comum. Uma profusão de variedades de orquídeas ladeava o meu caminho e uma alta densidade de espécies reforçava a impressão de que “havia alguma coisa diferente ali”! 

Deixei o cavalo e logo fui abordada por Oswaldo, dono e guardião do lugar. Simpático e acolhedor! 

Fomos levados para dentro de sua casa, mais especificamente para uma ampla sala de almoço embaixo de uma claraboia e aquecida por uma lareira. No topo da lareira via-se a inscrição – Bomboli. E isso significa tudo! 

O almoço servido por Marianita foi com pratos tradicionais equatorianos e foi muito bem-vindo na minha barriga vazia e cabeça cheia de impressões. Estava frio! E fui aquecida pelo ambiente, pela comida e pelo calor humano dos anfitriões. 

Mas, eu ainda não estava satisfeita! Queria uma explicação para “aquilo ali”! Bomboli! 

E não precisou me esforçar muito para tê-la! 

Oswaldo foi o “criador” de tudo aquilo ali! E um “criador” orgulhoso do seu feito! 

Foto: Jacira Omena

Foto: Jacira Omena

Bomboli é uma reserva natural privada, e foi criada por Oswado! E uma área em torno de 200 hectares, a 3000 metros de altitude, preserva áreas de bosques nativos e outras de bosque secundário em recuperação. São inúmeras as espécies de orquídeas, bromélias, musgos que encantam visitantes e cientistas de todo o mundo. 

Oswaldo recupera as áreas através dos seus “hospitais” espalhados em torno de sua casa. São berços de mudas de diversas plantas coletadas em outras áreas, fortalecidas e recolocadas nas outras, já prontas para recebe-las e perpetuá-las. 

viajaracavalobomboli12 viajaracavalobomboli13 viajaracavalobomboli14

Fotos: Jacira Omena

Fotos: Jacira Omena

Ele repete como um mantra: 

“La ecología es el arte práctico de ubicar a las especies” 

É com um beijo que ele “fertiliza” cada muda antes de ser plantada em seu lugar definitivo. 

Viajei a cavalo e pelo aprendizado da vida na Reserva de Bomboli no Equador. 

Obrigada, Oswaldo e Marianita! 


Vejam mais informações sobre Bomboli:

http://www.elcomercio.com/actualidad/ecuador/bomboli-valiosa-reserva-de-agua.html

http://www.eluniverso.com/2007/02/25/0001/12/436061A79463486C82B61DAAE4AAA186.html

 

Anterior Viajar a Cavalo? Prepare-se para as fotos!
Próximo Viajar a Cavalo na Mídia!

Sobre o Autor

Jacira Omena
Jacira Omena 193 posts

Viajante e Escritora - Escreveu o Livro - Viajar a Cavalo:Um Guia Passo a Passo. "Viajo pelo mundo a cavalo sempre a procura de algo novo e surpreendente, e com grande frequência sou bem-sucedida nessa busca!

*O conteúdo dessa matéria é de inteira responsabilidade do seu autor, não tendo a Viajar a Cavalo qualquer responsabilidade sobre o teor dessas informações.

Você também pode gostar de

Viagem a Cavalo Leia e comente!

Atacama – Muitas atrações!

Apesar da paisagem árida e não apresentar um índice pluviométrico relevante, a região do Atacama apresenta alguns lagos com água quase todo o ano, servindo de fonte de vida tanto para os habitantes da região quanto para os animais que lá habitam.

Viagem a Cavalo Leia e comente!

Paso fino – Colômbia – Filmes

Em Viagem a Cavalo pela Colômbia, experimentei um cavalo Paso Fino. Uma grande emoção!

Diários de viagens Leia e comente!

Uma Amazona Francesa como Hóspede!

No último mês de julho, recebi em minha casa para passar 15 dias uma amiga francesa que conheci em uma das minhas viagens a cavalo que faço por aí. Havia dito que gostaria de conhecer o Brasil, então falei – Vá, será muito bem recebida.

Leia e comente!

Nenhum Comentário ainda

Você pode ser o primeiro a comentar esse post!